Rolhas: pegada de carbono negativa

2020-06-01

As florestas de sobreiros, situadas no sul de Portugal, são responsáveis por metade da produção de cortiça a nível mundial e, no seu conjunto, inserem-se num dos 36 hotspots de biodiversidade em todo o mundo. Este ecossistema único, denominado montado, possui a notável capacidade de capturar carbono. Por cada tonelada de cortiça produzida, estas florestas sequestram (capturam), um volume estimado de 73 toneladas de CO2, tornando-as uma ferramenta vital na redução das emissões de gases de efeito estufa.

A partir de uma análise recente que aborda todo o ciclo da cortiça, conduzida pela PricewaterhouseCoopers, foi possível demonstrar que uma rolha de cortiça captura mais CO2 do que aquele que é libertado durante todo o seu processo de produção. Este estudo, que mediu as emissões de carbono da Neutrocork, a rolha mais vendida da Amorim, mostrou que uma rolha absorve, para além do CO2 emitido, tanto na produção como no transporte, mais 1,8 gramas.

Num artigo publicado pela Drinks Business sobre este estudo é explicado que “quando a absorção de carbono nas florestas de sobreiros é associada com a produção de rolhas de cortiça, os resultados são ainda mais positivos, correspondendo a -392g de CO2 por rolha.”

Na Symington Family Estates levamos a ameaça que são as alterações climáticas de forma séria, daí tentarmos responder a este problema de variadas formas. Conduzimos estudos de investigação e desenvolvimento na vinha para termos meios de adaptação a um clima em mudança e, como membros da International Wineries for Climate Action, trabalhamos com o objetivo de reduzir as emissões de carbono em todas as áreas da nossa atividade.

Dado que mais de 90% da nossa pegada de carbono provém da nossa cadeia de fornecimento, estamos a trabalhar, em colaboração com os nossos fornecedores, para a diminuição das emissões associadas à produção e expedição das garrafas de vinho. Dá-nos muita satisfação de, ao utilizar rolhas portuguesas, estarmos não só a apoiar um ecossistema nacional de grande valor, como também a utilizar um produto que tem uma pegada de carbono negativa.

Pode ler mais informação sobre o tema em:

https://www.thedrinksbusiness.com/2019/09/amorim-cork-stopper-proved-carbon-negative/

https://www.amorim.com/en/why-cork/environmental-and-social-benefits/

 

 

Publicado em 2020-06-01
© Symington Family Estates

Mais no blog: